Justiça cancela demissão por justa causa de trabalhadora com maconha

Hemporter - Hemp Trumpho
Hemporter - Hemp Trumpho
Justiça cancela demissão por justa causa de trabalhadora com maconha
/

A Justiça Trabalhista de São Paulo cancelou a demissão por justa causa de uma trabalhadora flagrada portando maconha durante o horário de trabalho. O juiz responsável pelo caso entendeu que embora a empregadora tenha o direito de demitir a empregada, é necessário pagar os respectivos direitos trabalhistas.

O magistrado ressaltou que a demissão por justa causa deve ser aplicada somente em situações extremas e que o simples porte de maconha durante o expediente não causou prejuízo algum. Ele destacou que não há provas ou alegações de que a trabalhadora tenha feito uso no ambiente de trabalho ou durante a jornada de trabalho.

Diante disso, a decisão determinou que a trabalhadora receba o pagamento de aviso prévio indenizado, proporcionais do 13º salário, férias com o terço constitucional e liberação integral do FGTS, além da multa de 40%.

Fonte: @metropoles

Apresentação: @nhockera

Lembrando que seu ritual só fica completo quando acompanhado dos utensílios canábicos da nossa parceira @BemBoladoBrasil

🔥🔥🔥

O Hemporter é o seu boletim com as principais notícias sobre o universo canábico no Brasil e no Mundo

Sempre às 8h20 e às 14h20 dentro da programação da radiohemp.com, presente nas principais plataformas de podcast e a qualquer momento aqui nas redes sociais da Radio Hemp

Compartilhar:

Jogue ou Decore

Abrir bate-papo
A equipe da Radio Hemp tá atenta! Se apresente e diga se é um ouvinte, cliente ou lojista que já vamos te atender!